REVELAÇÃO

Pois metade de mim é partida
a outra metade é saudade.


Oswaldo Montenegro

terça-feira, maio 29, 2012

A dança da alegria


A orquestra afina os instrumentos,
A moça ensaia os passos de dança.
Instigante combinação...
Sons e movimentos,
Cadência harmoniosa das emoções.
Um quadro perfeito!
A musica, a moça trajando vermelho.
A musica sugere a dança,
A moça baila a musica.
A saia começa agitar
E um doce perfume de rosa,
Deixa no ar espalhar.
Enquanto, frenética rodopia.
A dança da alegria!
Um deslumbrante momento,
Eternizado no ritmo do tempo;
A musica, a moça... A magia.


2 comentários:

edumanes disse...

A orquestra afina
A menina começa a dançar
Aquela linda dançarina
Vai a festa animar!

Instigante descontracção
A beleza que ela esconde
Debaixo da combinação
Lugar certo ela saber onde!

Boa noite de terça-feira, para você
um beijo
Eduardo.

Tim disse...

Essa poema é uma das suas melhores...tem descrições maravilhosas, dá p'ra fechar os olhos e ver a danca....muito bem escrito, meu anjo!


O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distância. (May Lu)

flores