REVELAÇÃO

Pois metade de mim é partida
a outra metade é saudade.


Oswaldo Montenegro

terça-feira, fevereiro 07, 2012

Poesia impossível


Por dentro já morri
Várias e várias vezes
Em silêncio
Envolta em névoa
Em mágoa 
Na solidão
Pelo vazio
Pela distancia
Da alegria
Da poesia
Da minha essência
Oculta de mim
De todos
Em trevas
desnuda
Da vida 
Que se apaga
Esvai...
Versos que calam
 Folhas em branco
Sem paixão
mortal
Espada de dois gumes
Na alma do poeta.


Nenhum comentário:


O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distância. (May Lu)

flores