REVELAÇÃO

Pois metade de mim é partida
a outra metade é saudade.


Oswaldo Montenegro

terça-feira, outubro 21, 2014


Às vezes olhar em frente, também dói.
Quando a vontade do voo é maior
Que o desejo de manter os pés firmes no chão.
De repente,
O nosso corpo
É um fardo pesado demais,
Para os anseios da nossa alma.
E sem conseguir externar, da retina,
As paisagens nunca vistas...
O coração da gente aperta, numa saudade doída e sentida.
Pelo detalhes não tocados, não vividos.


2 comentários:

✿ chica disse...

As vezes é bem assim! beijos, lindo resto de semana! chica

Maria Rodrigues disse...

Como eu por vezes e sinto assim...
Bom domingo
beijinhos
Maria


O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distância. (May Lu)

flores