REVELAÇÃO

Pois metade de mim é partida
a outra metade é saudade.


Oswaldo Montenegro

quinta-feira, março 01, 2012

A festa


Fui convidada para uma festa
Meu nome é Alegria
O salão estava cheio
Fiquei ali à espera
Aguardando a próxima dança
Mas o Orgulho passou por mim
Se achando muito importante
Logo em seguida veio a Inveja
Olhou-me de cima em baixo
Se sentindo mais elegante
O Ódio também passou por mim
Esbanjando muito rancor
Mais adiante eu vi a Raiva
Com o rosto crispado pela ira
Olhando-me como inimiga
Além dela estava o Egoísmo
Valsando sozinho
Completamente centrado em si
Depois vi a Mentira
Tirando a Inveja para dançar
Fazendo-lhe falsas lisonjas
Lamentando por tudo que vi
E antes que a Tristeza por mim passasse
Decidi ir-me embora da festa
 E já estava de saída
Quando vi a Esperança chegando
Trazendo pela mão a
Chegou toda radiante
Repleta de confiança
Acreditando na força do Amor
O mesmo chegou logo em seguida
Vestindo seu mais belo traje
Feito dos mais finos tecidos:
Afeto, sinceridade, lealdade...
Espalhou pela festa sua magia
Bailando comigo com ousadia
Assim sendo, a festa foi divertida
E foram todos muito bem recebidos
Pelos anfitriões da festa:
A Paz e o Perdão.

Nenhum comentário:


O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distância. (May Lu)

flores