REVELAÇÃO

Pois metade de mim é partida
a outra metade é saudade.


Oswaldo Montenegro

domingo, fevereiro 26, 2012

Silêncio de cortina fechada


Eu amo o silêncio
O silêncio da noite
Cheio de promessas
De segredos
Que não se diz
Mas que se sente
Paixões palpáveis
De toques
 Desejos que vem 
Momentos silenciosos
De olhares que se encontram
E dizem 
Palavras não formuladas
Estar em silêncio
Com o silêncio
É estar num lugar seguro
Livre de receios
aprendendo
absorvendo 
O que nos diz o silêncio
Silêncio de cortina fechada
Sou uma ilha em silêncio
Para sobreviver.

Nenhum comentário:


O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distância. (May Lu)

flores