REVELAÇÃO

Pois metade de mim é partida
a outra metade é saudade.


Oswaldo Montenegro

sábado, fevereiro 25, 2012

O meu lugar ao sol


Comportei conforme acreditava
Evitei errar e fracassar
entretanto
Fiz escolhas negligentes
decepcionei-me
Caí de joelhos
Eu só queria paz
Ser livre...
Irromper com os cadeados
Achar a fonte
(água viva em fonte seca)
digladiei
Um auto-flagelo
Já podia contornar
O que antes me amedrontava
Hoje eu quero o sol
Estou em convalescença
"O pulso ainda pulsa."

Nenhum comentário:


O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distância. (May Lu)

flores