REVELAÇÃO

Pois metade de mim é partida
a outra metade é saudade.


Oswaldo Montenegro

domingo, fevereiro 19, 2012

Demência


Oh! Coração...
Por que ainda bates?
Porque mentes?
Fingindo que esta tudo bem
Será que é para minha proteção?
Quem sabe?
Quem sabe é o coração
Ele se acha dono da razão
Eu sou apenas emoção
...
Razão ou loucura?
Continua batendo
Em processo de cura
Deste sufoco
Que me devora
Ato próprio de um louco
Um contra-senso
Que paz me trarias tu?
Coração insensato
alienado
Submete-me a essa tortura
Cegamente continua batendo
Em ignorância
Não viu que o amor me enlouqueceu.


Nenhum comentário:


O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distância. (May Lu)

flores