REVELAÇÃO

Pois metade de mim é partida
a outra metade é saudade.


Oswaldo Montenegro

sexta-feira, março 11, 2011

Deixa eu te ninar...


E O Tempo Passa
Mas Está Sempre Aqui
O Ontem... O Hoje 
E O Amanhã
E Seremos Novamente
Sempre Estarei Nesse Caleidoscópio
A Tempestade Não Passou
 Gostaria de Ter Seguido
Feito Outro Caminho
Um Rumo Diferente
 Outra História
Te Levar Para Casa
Fecho Os Olhos
 Tento Acreditar Em Mim
Na Paz do Meu Silêncio
Eu Vi Seu Nascimento
Seu Sofrimento
Encoste Aqui
Deixa Eu Te Ninar
Eu Deveria Ter Deixado O Medo?
Decepcionei-Te E Te Magoei
Enxerga Minha Dor?
Dever-me-ia Sentir Culpada?
E Ser Julgada...
Mas Preciso Acreditar
E Seguir Em Frente
Lembrar de Como Costumávamos Ser
Eu Vi Teu Sorriso
 Vi  Teu Choro
Conheço Teus Sonhos
 Teus Medos
Teus Pedaços
Pedaços de Mim
Se Você Se Importar Estou Aqui
Apenas Deixa Eu Te Ninar...


Um comentário:

Tim disse...

Lindos sentimentos, meu amor, de uma mãe ferida más com esperança no coração como bem dêve ter!

Em breve voltará à ninar novamente, meu anjo...

Beijos no coração...


O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distância. (May Lu)

flores