REVELAÇÃO

"Hoje,

Caminho de mãos dadas

Com a felicidade.

E uma enorme vontade de viver...

Sem partida, nem chegada.

Somente uma viagem..."

May Lu

"Todas as manhãs ela deixa os sonhos na cama,

Acorda e põe sua roupa de viver."

Clarice Lispector

"Porque metade de mim é partida

Mas a outra metade é saudade"

Oswaldo Montenegro

cultivando flores

"Alguns procuram a felicidade, outros a criam."

"Alguns procuram a felicidade, outros a criam."
O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distancia. (May Lu)

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Cadê eu? Maria...


Sinto saudades de mim
Quando eu ainda tinha você
Sinto saudades da tua voz
Do teu jeito de criança
Meio louca 
De bem com a vida
Sinto tanta falta do seu sorriso
deslumbrado
Perante tudo... Perante todos
Levo essa melancolia no peito
Do seu olhar sonhador
De quando acreditava em sonhos
Absorvida no perfume da fantasia
Levo o inverno dentro de mim
Pela tortura do seu silêncio
Deixando pétalas ao chão
...
Minha memória te busca
Alma esfarrapada
Lutando para sair do escuro
E minhas mãos não te alcançam
Do outro lado da margem
Presa nas grades da solidão
Temendo ser encontrada
Sei que está ai...
A ti darei só um nome
Cadê eu?
Maria...

águas da vida


Não tenho mais tanta pressa
Recrio os sons... A textura
Da emoção
Dos risos soltos no tempo
Sintonia mágica
Da eterna madrugada molhada
Onde todas as águas dormem
Deitam-se águas tranquilas
Descansadas de suas turbulências
andarilha que sou 
Viajo por todo o mundo
Ora água plácida e límpida
Ora tempestuosa... violenta
Porto seguro para uns
E naufrágio para outros
Quantos corações sonhadores
 navegam por minhas águas?
Deságuam suas lutas
Suas fugas
Em meu leito
Derramam suas lágrimas
De alegrias e de tristezas
E as recolho todas
Absorvo como um néctar
São águas de minhas águas
Precisam de mim para viver.


Tenho urgência...


O tempo parece estagnado
Alheio a minha saudade
Finge não saber que anseio
Pelos teus abraços
Por seu sorriso
Dizendo que esta tudo bem
Que não importe o tempo
Os dias... As horas
Sempre vai voltar para meus braços
Assim ...
Tenho urgência

Do tempo
De você
Aqui...
&
Protegida em teu peito
Deslizarei meus dedos por tua face
Agradecida por sua presença
Em emoção... Sem pressa
De te deixar partir...


Porção maior


Quero a porção maior
Do amor
 Da vida
Dos sentimentos
Uma parcela maior
De fé
De esperança
De confiança
Quero uma porção maior
Com Deus.


Amor maior


Quando as palavras se calarem
Apenas me olhe nos olhos
Beija-me mansamente
Como a lua beija a pétala nua
Sem pressa de ir embora 
Despe-me de meus pudores
Para que aflore 
A fantasia... A emoção
Num renascer de sentimentos
Esquecidos... adormecidos
Sejamos um amor maior
De irmos onde o amor nos levar
Abraçados a felicidade...
Daremos asas aos sentimentos 
Caindo gota a gota
Da imensidão de um céu tão azul.