REVELAÇÃO

"Hoje,

Caminho de mãos dadas

Com a felicidade.

E uma enorme vontade de viver...

Sem partida, nem chegada.

Somente uma viagem..."

May Lu

"Todas as manhãs ela deixa os sonhos na cama,

Acorda e põe sua roupa de viver."

Clarice Lispector

"Porque metade de mim é partida

Mas a outra metade é saudade"

Oswaldo Montenegro

cultivando flores

"Alguns procuram a felicidade, outros a criam."

"Alguns procuram a felicidade, outros a criam."
O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distancia. (May Lu)

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Ventos contraditórios


Parte de mim 
São lembranças
Que refletem
Ventos contraditórios
...
O passado no presente
Páginas viradas
De um mesmo texto 
Sendo escrito
O caminho já percorrido
A dança louca dos ventos
Do que fui
 Quem sou
O que não sei
...
Águas turbulentas
Do meu desassossego
desalinham 
A essência da minha existência. 


Vermelho sangue


Sinto um frio
Um frio na alma
Que rasga num talho
Difuso e profundo
Penso em você
E sua imagem me escapa
Como o negativo 
De uma fotografia
Sombras... fantasmas
Do que vivemos
E não somos mais
São ventos frios
Que deixam
Um rastro de solidão
Dentro de mim
A marca em um recorte
Desbotado pelo tempo
É inverno
Tomando conta
E no frio
 contemplo
A lua vermelho sangue
Em silêncio
Sinto a verdade nos ossos
Você é a miragem
Que evapora...


Crisálida


Fui e sou
A solidão... A crisálida 
Aguardando a metamorfose
Vestida de seda
Com as pontas soltas
Continuo tecendo
Para crer que ainda existo
Ainda preciso de mim
Preciso de ti
juntos
ajuntando
Pedaços do meu mundo
Acordar borboleta
Coberta de cores
Coração com coração.