REVELAÇÃO

"Hoje,

Caminho de mãos dadas

Com a felicidade.

E uma enorme vontade de viver...

Sem partida, nem chegada.

Somente uma viagem..."

May Lu

"Todas as manhãs ela deixa os sonhos na cama,

Acorda e põe sua roupa de viver."

Clarice Lispector

"Porque metade de mim é partida

Mas a outra metade é saudade"

Oswaldo Montenegro

cultivando flores

"Alguns procuram a felicidade, outros a criam."

"Alguns procuram a felicidade, outros a criam."
O que é bonito tem vínculos dentro do tempo e da distancia. (May Lu)

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Sou eu


Guardo entre o ontem e o hoje
Lembranças
Sentimentos
Sonhos
Encontros e desencontros
Vivo
Sinto
Na pele
Na alma
Fragmentos
 Do passado no presente
Tantas em uma
Separadas
E tão juntas
Única...
Por vezes adormeço uma
E acordo outra
Sempre em busca de mim mesma
Do meu eu
Aquele que conheço 
E desconheço...
Profundidades
Às vezes desvendáveis
Outras tantas insondáveis
A mulher
O enigma
Com tempos de risos
Por tudo, por nada.
Tempos de choro
No verso
E no avesso
Tempos de silêncios
Mergulho
Solidão
Ora crédula em tudo
Ora desconfiada
São tantas
Aqui... ali
Sou eu
Inteira.

domingo, 29 de janeiro de 2012

Mais e mais


Estamos sempre em busca
Em busca do inesperado
Das emoções que afloram
Da respiração mais rápida
Batimentos acelerados
Da magia... Do amor
Parece que nunca basta
Estamos sempre querendo mais
Almas ansiosas, desejosas.
De calor, de sabores.
Sempre sedentos de carinhos
De preenchimento, encantamento.
Que nunca chega
Nunca basta
Somos almas insaciáveis
Sempre querendo mais e mais...


sábado, 28 de janeiro de 2012

Meu reflexo em ti


Perdido na noite escura
Uma alma solitária 
Em sua doce loucura
Fez da solidão sua companheira
Palavras são desnecessárias 
Apenas ditas no silêncio do olhar
Sons de um coração ferido
Uma recusa ao resto do mundo
Tão centrado... Em refúgio
Senti meu reflexo em ti
Uma alma em busca de outra alma
Compreendi cada gesto seu
Cada sorriso contido
Pude me ver em teus olhos
Senti o compasso do seu coração
Em descompasso com o meu
E todo o medo se cala
Silencioso em conspiração
Com todo o universo
Mistério de almas gêmeas
Almas de lobos solitários
Que se compreendem
Sem o véu da ilusão
Mergulho em águas profundas
Um abismo chama outro abismo.